Geoparques Mundiais da UNESCO em Portugal

Conforme expresso no Programa Internacional de Geociências e Geoparques da UNESCO (IGGP), um Geoparque Mundial da UNESCO é um território singular, com uma área geográfica unificada onde locais e paisagens de importância geológica internacional são geridos numa conceção holística de proteção, educação e desenvolvimento sustentável, para além de se constituir como território de excelência para a investigação científica. Para tanto, revela-se imprescindível sensibilizar e envolver as populações locais relativamente à importância do património geológico do território, incrementando o seu sentido de pertença e de identidade.

O envolvimento da comunidade local, um financiamento base assegurado e uma entidade de gestão do território capaz de colocar em prática estratégias de desenvolvimento de “baixo para cima”, são dimensões relevantes do conceito de geoparque.

Este é, assim, entendido como um elemento catalisador que visa a participação de todos os parceiros para a concretização de um objetivo comum, o de contribuir para o desenvolvimento sustentável de um território, designadamente a nível educacional, ambiental, cultural, científico, social e económico.

O desenvolvimento preconizado baseia-se, assim, no princípio da sustentabilidade, nos termos do qual é promovido o aproveitamento responsável dos recursos existentes, naturais e culturais, de modo a conciliar a conservação do património natural e cultural com a criação de oportunidades sociais e económicas e, ainda, a garantir a sua transmissão às gerações futuras.

1
...